2 de outubro de 2013

Magia: especialidades mágicas

Em outro post, mencionei que os bruxos em minhas histórias costumam possuir especialidades mágicas. Isso ainda não foi abordado em meus contos, mas as especialidades mágicas são citadas em meus livros.

Leia um pouco sobre os meus livros e sagas:

Especialidades mágicas são habilidades especiais que os bruxos adquirem de maneira espontânea — é uma habilidade que permanece latente em sua mente, desde o seu nascimento até o momento em que descobre seus poderes mágicos e, com isso, sua especialidade mágica. Em alguns casos, o bruxo precisa empreender certo esforço para desenvolvê-la, embora isso seja raro.

Em geral, essas especialidades são habilidades impossíveis de serem reproduzidas por outros bruxos — a menos que este ou estes criem um objeto mágico. São exclusivas de cada um, e não existem dois bruxos com a mesma especialidade mágica, ainda que sejam muito semelhantes. Comumente envolvem coisas como vidência — a qual possui diversos subtipos, como a capacidade de enxergar linhas de vida, também citadas em outra ocasião —, controle sobre determinado tipo de matéria ou controle de mentes — que, aliás, é algo muito raro, e apenas bruxos com poder mental muito grande conseguem desenvolver uma especialidade como essa, caso a tenha.

O comum é que cada bruxo possua uma especialidade mágica, mas há aqueles que não possuem nenhuma, ou, mais raramente, os que possuem duas ou três. Neste caso, a segunda e a terceira especialidades mágicas permanecem latentes mesmo após a manifestação dos poderes mágicos e da primeira especialidade mágica, e é necessário que o bruxo treine um pouco sua magia e desenvolva melhor suas habilidades (leia aqui sobre o assunto) antes que se torne capaz de desenvolvê-la.

Existem, é claro, muitos mais detalhes a respeito, portanto, falarei mais sobre o assunto caso seja necessário.

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Sinta-se à vontade para deixar opiniões, dúvidas e sugestões. Se tiver um blog, deixe o link ao final de seu comentário para que eu possa visitá-lo.

Ao comentar, tenha bom senso (ou leia isto), de modo a evitar que seu comentário não seja publicado.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...